Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Campus Patos de Minas > Estágio
Início do conteúdo da página

Estágio

por Reitoria | publicado 01/09/2014 09h56 | última modificação 01/02/2017 10h38

Apresentação

A Coordenação de Estágio e Egressos – CEE promove a integração entre a escola e a sociedade por meio de ações que visam tornar a escola cada vez mais acessível à comunidade e, ao mesmo tempo, aproveitar as oportunidades disponibilizadas pela sociedade para complementar e enriquecer o processo de ensino-aprendizagem dos alunos do Instituto, de modo que sejam formados profissionais capacitados e cidadãos conscientes, críticos e éticos.

Na coordenação, o aluno encontra a legislação e regulamentos pertinentes ao estágio, orientações sobre os procedimentos administrativos e sobre a documentação necessária para realização do estágio; além disso, a CEE disponibiliza um banco de dados de empresas conveniadas com o IFTM, campus Patos de Minas.


O estágio

Estágio é o ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho que visa à preparação para o trabalho produtivo do estudante.

Tem sua importância na integração do processo educativo e na formação do estudante, de modo que prepare para as atividades profissionais, valorizando a função social da parte concedente do estágio.

O estágio faz parte do projeto pedagógico do curso, além de integrar o itinerário formativo do estudante. Suas atividades devem ser compatíveis com seu desenvolvimento educacional.

São partes obrigatórias na relação do estágio: a) o estudante; b) a parte concedente; e c) a instituição de ensino. São estes os signatários obrigatórios do Termo de Compromisso de Estágio.

O estágio tem por finalidade o aprendizado do estudante de competências próprias da atividade profissional e a contextualização curricular, na busca do seu desenvolvimento para a vida cidadã e para o trabalho.

A experiência tem demonstrado que a prática do estágio tem sido eficaz para o interesse das partes concedentes, das instituições de ensino, dos estagiários e de toda a sociedade, na medida em que os estudantes são inseridos no mundo do trabalho e, não raro, admitidos, após o estágio, nas atividades profissionais da própria parte concedente.

Fim do conteúdo da página