Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Aluna do IFTM descobre três asteroides em projeto da NASA
Início do conteúdo da página
Notícias

Aluna do IFTM descobre três asteroides em projeto da NASA

Maria Clara Almeida Amaral é estudante do curso Técnico em Manutenção e Suporte em Informática Integrado ao Ensino Médio

  • Por IFTM Reitoria
  • Publicado em 08/10/2021 às 11:40
  • Última modificação 08/10/2021 às 11:53
Maria Clara navegando no aplicativo
Maria Clara navegando no aplicativo "Astrométrica" em laboratório de informática do IFTM Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico
Crédito: Diretoria de Comunicação Social e Eventos do IFTM

A aluna Maria Clara Almeida Amaral, estudante do curso Técnico em Manutenção e Suporte em Informática Integrado ao Ensino Médio do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro (IFTM) Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico, descobriu três asteroides em órbita ao participar do programa “Caça a Asteroides”, uma parceria entre o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), o International Astronomical Search Collaboration (IASC) e a National Aeronautics and Space Administration (NASA).

O programa, de abrangência nacional e internacional, é realizado por meio de um aplicativo que a NASA e o IASC disponibilizam, chamado “Astrométrica”, que possibilita o fornecimento de imagens de um telescópio, chamado Pan-Starrs, da Universidade do Hawai.

Maria Clara faz parte do grupo nacional de pesquisa InSpace, que trabalha na área de STEAM (Ciências, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática). A iniciativa visa promover divulgação científica, palestras, cursos, projetos, campeonatos e entre outros, tudo de forma gratuita. Ela explica que, futuramente, poderá escolher os nomes dos asteroides que detectou, que, por enquanto, receberam suas iniciais – MCA0002, MCA0001, MCA0001.

A estudante conta que pretende seguir carreira na área, mesmo confessando gostar de inúmeras outras coisas. Espera que suas conquistas estimulem mais jovens a buscar e realizar seus sonhos, fazendo crescer, especialmente, a área das Ciências. “Não me vejo exercendo algo que a Ciência não esteja envolvida no meio. É uma coisa muito mágica, quero ajudar e contribuir para nós no futuro”, explica. 

Para uma das professoras de Maria Clara, Lívia Zanier, essas conquistas mostram que o IFTM está desempenhando uma de suas mais importantes funções: estimular os estudantes a terem objetivos na vida e concretizá-los. “Maria Clara é uma aluna cheia de energia. Ela participa de um projeto de extensão, do qual sou coordenadora, em que produz desenhos, que normalmente retratam a astronomia. Ela é muito ativa e se dedica, se entrega a tudo o que faz. E tudo isso é muito importante: dedicação, sonhos, enfim, ser feliz com a vida que se deseja levar. Estamos muito contentes com mais essa conquista de nossos discentes ”.

InSpace

O grupo InSpace é formado por membros de todo o país e conta também com embaixadores em uma gama diversa, há jovens e profissionais já formados. Maria Clara entrou para o grupo em 2019, quando ele foi fundado, por meio de uma seleção. Atualmente ela é a única representante da cidade de Uberaba. 

*Com informações de https://jmonline.com.br/novo/?noticias,1,GERAL,217707



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página