Ir direto para menu de acessibilidade.

Perfil do egresso

De acordo com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), o IFTM busca a construção de saberes e o aprimoramento humano do estudante, por meio de um ensino pautado na interação, na mediação entre o professor e o estudante e que preza sempre pela interdisciplinaridade, flexibilidade, contextualização e atualização:

  • Interdisciplinaridade refere-se à integração entre os saberes específicos, produção do conhecimento e intervenção social, de maneira a articular diferentes áreas do conhecimento, a ciência, a tecnologia e a cultura, e de modo que a pesquisa seja assumida como princípio pedagógico;
  • Flexibilidade curricular remete à possibilidade de ajustes na estrutura do currículo e na prática pedagógica, em consonância com os princípios da interdisciplinaridade, da criatividade e da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, os quais fundamentam a construção do conhecimento;
  • Contextualização é entendida, de forma geral, como o ato de vincular o conhecimento à sua origem e à sua aplicação;
  • Atualização correspondente à contínua atualização quanto às exigências de desenvolvimento cultural, científico e tecnológico, com vistas ao atendimento de habilidades, capacidades e competências necessárias ao exercício profissional.

As Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Administração, bacharelado, (Resolução CNE/CES nº 4, de 13 de junho de 2005, art. 3º), tem como perfil desejado do formando:

Capacitação e aptidão para compreender as questões científicas, técnicas, sociais e econômicas da produção e de seu gerenciamento, observados níveis graduais do processo de tomada de decisão, bem como para desenvolver gerenciamento qualitativo e adequado, revelando a assimilação de novas informações e apresentando flexibilidade intelectual e adaptabilidade contextualizada no trato de situações diversas, presentes ou emergentes, nos vários segmentos do campo de atuação do administrador.

O curso de bacharelado em Administração possibilitará a formação de um profissional que deve: 

a) Reconhecer e definir problemas, equacionar soluções, pensar estrategicamente, introduzir modificações no processo produtivo, atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimentos e exercer, em diferentes graus de complexidade, o processo da tomada de decisão;

b) Desenvolver expressão e comunicação compatíveis com o exercício profissional, inclusive nos processos de negociação e nas comunicações interpessoais ou intergrupais;

c) Refletir e atuar criticamente sobre a esfera da produção, compreendendo sua posição e função na estrutura produtiva sob seu controle e gerenciamento;

d) Desenvolver raciocínio lógico, crítico e analítico para operar com valores e formulações matemáticas presentes nas relações formais e causais entre fenômenos produtivos, administrativos e de controle, bem assim expressando-se de modo crítico e criativo diante dos diferentes contextos organizacionais e sociais;

e) Ter iniciativa, criatividade, determinação, vontade política e administrativa, vontade de aprender, abertura às mudanças e consciência da qualidade e das implicações éticas do seu exercício profissional;

f) Desenvolver capacidade de transferir conhecimentos da vida e da experiência cotidianas para o ambiente de trabalho e do seu campo de atuação profissional, em diferentes modelos organizacionais, revelando-se profissional adaptável;

g) Desenvolver capacidade para elaborar, implementar e consolidar projetos em organizações;

h) Desenvolver capacidade para realizar consultoria em gestão e administração, pareceres e perícias administrativas, gerenciais, organizacionais, estratégicos e operacionais.

 i) Capacidade do exercício de funções administrativas, de chefia e direção, no setor público, privado e de economia mista.

Sendo assim, o perfil do egresso do curso de bacharelado em Administração do IFTM – Campus Paracatu tem como base a formação de um profissional generalista, capaz de se adaptar as futuras necessidades do mercado de trabalho, estando comprometido com a inovação e com a consciência ambiental, atendendo as demandas necessárias de sua área de atuação, formador de opinião e utilizador de ferramentas científicas, técnicas, sociais e econômicas da produção e do gerenciamento de processos na tomada de decisão, numa perspectiva de valores éticos, visando a formação de uma sociedade responsável e solidária.

Nesse sentido, todas as competências e habilidades, necessárias para a formação completa dos profissionais do curso de Administração no IFTM – Campus Paracatu, e previstas na referida resolução, por meio da teoria e da prática, estão comtempladas nas unidades curriculares e demais atividades acadêmicas, como estágio, trabalho de conclusão de curso, atividades de extensão (curricularização da extensão) e atividades complementares.

Políticas de Acompanhamento do Egresso

Conforme a missão do IFTM de ofertar a educação profissional e tecnológica por meio do ensino, da pesquisa e da extensão e de suas diretrizes voltadas para o fortalecimento da relação do IFTM com seus egressos, a política de egressos no âmbito do Instituto Federal do Triângulo Mineiro é realizada conforme Orientação Normativa da Pró-Reitoria de Extensão Tecnológica (PROEXT), que prevê uma comunicação efetiva, analisando reflexões individuais e coletivas de seus ex-alunos sobre a qualidade de suas experiências acadêmicas com vistas pós-IFTM, de forma a avaliar os processos de ensino, pesquisa e extensão.
Dentro dos objetivos da política de egressos são especificados os seguintes direcionamentos:

• Sensibilizar servidores e discentes quanto à relevância do papel do egresso para o  desenvolvimento da instituição; 

• Desenvolver estratégias, instrumentos e processos que possibilitem a efetiva comunicação e a manutenção de vínculo de egressos com a instituição;

• Acompanhar o itinerário profissional de egressos na perspectiva de identificar cenários junto ao mundo do trabalho e retroalimentar os processos de ensino, pesquisa, extensão e inovação e;  • Estimular a formação continuada de egressos.
Assim, o IFTM mantém em seu site institucional uma plataforma chamada Banco de Estágios, que tem por objetivo coletar informações de seus futuros egressos e de empresas e/ou instituições que ofertem vagas de estágio e/ou empregos que são amplamente divulgadas na comunidade como um todo, facilitando o envolvimento em atividades de complementação de formação, atividades de pesquisas, em eventos acadêmicos e em cursos de extensão, de aperfeiçoamento e de pós-graduação.
As coordenações de Estágio e Acompanhamento de Egressos do Campus Paracatu, tem a responsabilidade do envio de relatórios para a Pró-Reitoria de Extensão Tecnológica (PROEXT) com propostas e desenvolvidas em consonância com diversas ações a seguir:

• Pesquisa de Satisfação e Empregabilidade;

• Palestras de Sensibilização e Preparação para o mundo do Trabalho;

• Web Série com Casos de Sucesso;

• Encontros de Egressos e;

• Fortalecimento do Banco de Estágio, Emprego e Currículo do IFTM – BEEC.