Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Foripes-MG divulga nota a governador, prefeitos e sociedade
Início do conteúdo da página
Notícias

Foripes-MG divulga nota a governador, prefeitos e sociedade

A reitoria do IFTM, Deborah Santesso, participou da reunião

  • Por IFTM Reitoria
  • Publicado em 01/04/2020 às 15:21
  • Última modificação 06/04/2020 às 16:03

O Fórum das Instituições Públicas de Ensino Superior de Minas Gerais (Foripes-MG), publicou, nesta terça-feira (31), uma nota conjunta dirigida ao governador de Minas Gerais, a prefeitos de cidades mineiras e à sociedade em geral sobre a pandemia do coronavírus (COVID-19) e as medidas até aqui adotadas pelas autoridades governamentais.

Abaixo a íntegra da nota:

As instituições de ensino superior públicas do Estado de Minas Gerais (FORIPES), juntamente com a PUCMinas, que em conjunto assinam este documento, manifestam apoio às orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), do Ministério da Saúde, e da Secretaria de Estado de Saúde, assim como das principais entidades médicas, sanitárias e científicas do país e do mundo, quanto à manutenção do isolamento social como medida indispensável para o enfrentamento da COVID-19. 

Neste sentido, consideramos necessário respeitar todas as recomendações técnicas pelos próximos dias para que se possa avaliar o comportamento epidemiológico da doença no Brasil e o consequente impacto das medidas adotadas anteriormente. Para isso, é necessário intensificar as estratégias de isolamento para conter o avanço da pandemia, assim como para garantir tempo para que nosso sistema de saúde possa se organizar adequadamente. 

No Estado de Minas Gerais observa-se que grande parte dos municípios ainda aguarda a chegada de equipamentos de proteção individual (máscaras, luvas e aventais), assim como equipamentos hospitalares, como respiradores mecânicos, sendo estes tão necessários nos casos de pacientes com problemas respiratórios. Além disso, é necessário disponibilizar mais testes do novo coronavírus, de forma compatível com o tamanho da população, buscando evitar a subestimação do número de casos. Precisamos da determinação das autoridades municipais, estaduais e federais para manter o comércio fechado e as aulas suspensas e atividades remotas. Para aquelas atividades consideradas como legalmente essenciais, é fundamental que as orientações de prevenção e proteção sejam cuidadosamente observadas. 

O mundo todo vem mostrando a gravidade da pandemia que enfrentamos. Milhares de vidas já foram perdidas e os números são crescentes. Países desenvolvidos estão sofrendo para vencer o novo coronavírus. Neste momento, medidas necessárias devem ser implementadas, mesmo que duras, diante do reflexo positivo, cientificamente comprovado, para que vidas possam ser salvas. Evidentemente, temos plena consciência da grave crise econômica que enfrentamos e enfrentaremos à frente, porém é momento de defender o bem maior de cada um de nós, ou seja, a vida! 

Finalizamos, dizendo que a voz da ciência deve ser ouvida, o SUS deve ser valorizado e fortalecido e nosso povo, especialmente os mais carentes, deve ser apoiado economicamente enquanto durar a pandemia. 

Fiquem em casa. A vida é nosso valor maior. Todos são importantes. 

 

Prof. Flávio Antônio dos Santos – Centro Federal de Educação Tecnológica – CEFET/MG 

Prof. Kléber Gonçalves Glória – Instituto Federal de Minas Gerais – IFMG 

Prof. José Ricardo Martins da Silva – Instituto Federal do Norte de Minas Gerais – IFNMG 

Prof. Charles Okama de Souza – Instituto Federal do Sudeste de Minas – IFSEMG 

Prof. Marcelo Bregagnoli – Instituto Federal do Sul de Minas Gerais – IF SUL DE MINAS 

Profª Deborah Santesso Bonnas – Instituto Federal do Triângulo Mineiro – IFTM 

Profª Lavínia Rosa Rodrigues – Universidade do Estado de Minas Gerais – UEMG 

Prof. Antônio Alvimar Souza – Universidade Estadual de Montes Claros – UNIMONTES 

Prof. Sandro Amadeu Cerveira – Universidade Federal de Alfenas – UNIFAL-MG 

Prof. Dagoberto Alves de Almeida – Universidade Federal de Itajubá – UNIFEI 

Prof. Marcus Vinícius David – Universidade Federal de Juiz de Fora – UFJF 

Prof. José Roberto Soares Scolforo – Universidade Federal de Lavras – UFLA 

Profª Sandra Regina Goulart Almeida – Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG 

Profª Claúdia Aparecida Marliére de Lima – Universidade Federal de Ouro Preto – UFOP 

Prof. Sérgio Augusto Araújo da Gama Cerqueira – Universidade Federal de São João del-Rei – UFSJ 

Prof. Valder Steffen Junior – Universidade Federal de Uberlândia – UFU 

Prof. Demétrius David da Silva – Universidade Federal de Viçosa – UFV 

Prof. Luiz Fernando Resende dos Santos Anjo – Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM 

Prof. Janir Alves Soares – Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri – UFVJM 

Prof. Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães – Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC MINAS

 

Fontes: Portal Comunica UFU e Cefet-MG



Fim do conteúdo da página