Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > IFTM Campus Uberlândia Centro > Últimas Notícias > Estudante do Campus Uberlândia Centro integra equipe que ganhou Maratona de Inovação no Prêmio Jovens Cientistas
Início do conteúdo da página
Notícias

Estudante do Campus Uberlândia Centro integra equipe que ganhou Maratona de Inovação no Prêmio Jovens Cientistas

Bianca Mitie integrou equipe de estudantes de fora do IFTM, mas destaca que o conhecimento adquirido no Instituto ajudou

  • Por IFTM Campus Uberlândia Centro
  • Publicado em 15/07/2021 às 00:00
  • Última modificação 16/07/2021 às 12:07
Bianca Mitie integrou grupo que conquistou Maratona de Inovação da Feira Brasileira de Jovens Cientistas 2021
Bianca Mitie integrou grupo que conquistou Maratona de Inovação da Feira Brasileira de Jovens Cientistas 2021
Crédito: Divulgação

Um dos objetivos dos Institutos Federais é garantir que ensino, pesquisa e extensão andem juntos, inspirando os estudantes a desenvolver produtos inovadores. Para Bianca Mitie, essa lógica já estava presente antes mesmo de entrar no Campus Uberlândia Centro, do Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM). Estudante do 1º período do curso de Redes de Computadores, ela, ao lado de outros colegas de fora do IFTM, conquistaram o primeiro lugar na Maratona de Inovação da Feira Brasileira de Jovens Cientistas (FBJC). O resultado foi anunciado no dia 02 de julho, em transmissão ao vivo pelo Youtube.

Com um projeto da área educacional, a equipe dela conquistou um prêmio de R$2 mil, além de medalhas e o reconhecimento de ter um projeto inovador. Bianca integrou uma equipe de sete pessoas, que desenvolveram um projeto para combater a defasagem escolar.

“O objetivo (na Maratona) era desenvolver uma solução usando a gamificação para diminuir a defasagem escola e inovar o sistema de ensino brasileiro. Diante disso, nossa equipe Yume desenvolveu uma interface gamificada e dinâmica com uma IA (inteligência artificial) para resolver essa problemática e ajudar a despertar o interesse dos estudantes através da gamificação”, explica a estudante.

Embora não tenha desenvolvido seu projeto dentro do IFTM, a estudante destaca que os conhecimentos adquiridos no curso de Redes de Computadores ajudaram a desenvolver o projeto. “(O conhecimento para o desenvolvimento do projeto) é aprofundado no curso em diversos aspectos. Na realidade, antes de entrar no IFTM, eu não tinha praticamente nenhum conhecimento técnico dessa área e o curso me ajudou bastante nessa parte”, afirma a estudante. “Sempre amei tecnologia e sempre tive interesse em áreas de TI e computação, e por indicação de amigos e pela qualidade de ensino, participei do processo seletivo de redes ano passado”, completa Bianca, que faz o Ensino Médio no Colégio Tiradentes.

Sobre o projeto

O títutlo do projeto é “Equipe Yume: Educação do Futuro”, que vem acompanhado do slogan “Porque é preciso aprender a sonhar”. Além de Bianca, integraram o grupo Yasmin Kaline, Wender Araújo, Rafaella Barbosa, Ana Laura, Geovani Porto e Hanna Vitória. No projeto, os jovens destacam que o aplicativo tem benefícios ambientais, uma vez que evita a impressão de material; garante ganhos sociais, uma vez que permite um ensino mais dinâmica e que favorece a autonomia do discente; além de destacar ganhos econômicos para o utilizador do sistema.

Você pode saber mais sobre o projeto conferindo o vídeo de apresentação ou o material gráfico sobre o aplicativo. Saiba mais também sobre a FBJC, que em 2021 chegou em sua segunda edição.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página